Notícia
Data: 16,17 e 18/05/2019

Rede Saviniana promove curso para todos os professores de Ensino Religioso


Por: ANBEAS
Memorare

Foram três dias de aprofundamento e partilha de vivências

Nos dias 16, 17 e 18 de maio a Rede Saviniana de Educação e Assistência Social promoveu, em parceria com a editora FTD, um Curso de Ensino Religioso para todos os professores da Rede.

O objetivo, segundo a coordenadora do curso, Irmã Karla Macias, foi aprofundar a religiosidade por meio da troca entre os professores e suas práticas de ensino. Foi um encontro para professores experientes e iniciantes estarem juntos e partilharem suas vivências e desafios. “Qualificar a formação de todos aqueles que trabalham com Ensino Religioso nas escolas da Rede Saviniana”, afirmou a Irmã.

 

Diante de tantos desafios e possibilidades a serem aprofundadas sobre o Ensino Religioso, o consultor Teógnes Brito, da FTD, destacou, durante o curso, dois temas importantes: relacionamento e formação. Para ele, falta, de um modo geral, que os professores entendam que Ensino Religioso não é uma ciência pura e aplicada. “Na Idade Média, a fé era o parâmetro para a vida. Na Modernidade, a ciência ganhou força e a tecnologia mudou tudo. Hoje é preciso fé, mas fundamentada na razão”. Para Teógenes, que tem mestrado no tema, o Ensino Religioso não vai sobrepor as outras ciências, mas precisa ser capaz de construir e edificar vidas.

Nas escolas da Rede Saviniana, o diferencial das aulas de Ensino Religioso é a humanização. É um ensino mais próximo do outro, que, como disse a Irmã Amparo Machado, busca dar respostas e não só estuda o fenômeno. Por isso, é tão importante esse aperfeiçoamento dos professores. É preciso promover um debate sobre a abrangência e a necessidade do estudo.

A Irmã Zeneide Maia, do Colégio Nossa Senhora do Ó, no Pará, ressaltou a importância do curso. De acordo com ela, foi uma experiência de aprendizado e partilha muito importante. “Nós não somos completos, sempre precisamos aprender mais. E esse curso, assim como o escutar, é muito rico. É uma troca de experiência. A gente aprende e também transmite o que sabe”, relatou a Irmã.

O curso, que está dividido em sete módulos, segue em outubro, quando também será realizada uma prova e, só assim, os participantes receberão o certificado. Até lá, os professores de Ensino Religioso vão colocar em prática conhecimentos adquiridos nesses três dias.

 


Informações
Responsive image
Vídeos
Facebook